Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Duas Bloggers, Duas Histórias, Uma Doença : A Anorexia.

Duas bloggers, irmãs na doença, juntaram-se num só blog para contarem as suas vitórias. O nosso objectivo será sempre ajudar (se possível) quem esteja a passar por esta doença... a anorexia!

É preciso falar!

"Hospitalizações por anorexia dispararam nos últimos cinco anos.

Faltam camas para o tratamento e as agendas das consultas estão cheias.

Especialistas apontam uma maior “predisposição social” para a doença"

Expresso, Abril 2023

 

"Os efeitos prejudiciais da pandemia de Covid-19 e os períodos de bloqueio na saúde mental continuam a ser sentidos em todo o espectro.

 A prevalência de distúrbios alimentares e alimentares (FEDs) como anorexia nervosa, bulimia e compulsão alimentar aumentou acentuadamente desde 2019, de acordo com várias publicações internacionais."

Le Monde, Agosto 2023

                                                                                         Gráfico https://www.nbcnews.com/

 

O culto do corpo é, cada vez mais, visível na nossa sociedade.

Cada vez mais os miúdos necessitam do "corpo perfeito".

Na minha opinião, também acontece pois, hoje em dia, as redes sociais tomaram conta da vida das pessoas e os adolescentes são muito mais "fortes" atrás de um telemóvel. O vicio das visualizações, os "ídolos", as "perfeições" que existem nas redes sociais estão a um ecrã de nós, a segundos de acesso. Na minha altura, era somente nas revistas (as que tínhamos de ir comprar lá àpapelaria da vila) e na televisão. E isto era em muito menos escala do que agora! 

Hoje existem "influenciadores" com pouca responsabilidade social que acabam por ajudar a destruir auto-estimas e a incentivar á busca da "perfeição".

Hoje em dia, comenta-se que a pessoa é feia, gorda, flácida, com estrias, sem sequer se importar com as consequências que tal comentário irá trazer para essa mesma pessoa! É tudo questão de segundos que irá destruir alguém durante anos ou até a vida inteira.

O bullying , actualmente, foi facilitado. 

O Covid não ajudou. 

E, onde está a consciencialização?  E, onde está a consequência de quem pratica actos contra os outros? 

Não se fala sobre isso. Não se pune quem ataca os outros e destrói vidas. 

Não, não é um esfaqueamento fisico. Mas é um esfaqueamento mental com mais uns tiros na auto-estima da pessoa! E terá sequelas para toda a vida...

É preciso fazer algo antes que se percam mais vidas.

Antes que a sociedade adoeça ainda mais...